Pontos Turísticos do México

O México é com toda a certeza um país que todos se lembram pelo menos de algum símbolo. Entre pimentas, tequilas e sombreiros, o turista ao viajar para o México, vai ao encontro de um ilustre desconhecido. Sim, o México vai muito além do que o imaginário de novelas da Televisa, episódios do Chaves e estampas da Frida Kahlo em camisetas pode supor.

Pontos Turísticos do México

publicidade

Apesar de pertencer à América do Norte, o país se identifica mais com a América Latina, principalmente com o Caribe. Berço de civilizações importantes como a Maia e a Asteca – a qual foi dizimada pelos colonizadores espanhóis – e importantes Revoluções pela  liberdade do povo pela dominação americana no século XIX e XX. Entre La Cucaracha – uma música bem difundida, mas que na verdade foi um guerreira que lutou na Revolução  – e o Zorro – um espião americano -, o México convida a todos para desvendar seu mistérios.

O viajante tem a possibilidade de conhecer uma diversidade de lugares distintos entre si – ruínas de civilizações antigas espalhadas por todas as partes, o trânsito todo caótico da sua capital, arquitetura colonial, touradas e praias – Cancún e Acapulco, afinal que nunca sonhou em ir para lá.

publicidade

Com as baixas exigências de visto, viajar para o México tem enchido os olhos dos brasileiros, que aproveitando o valor do peso em comparação ao Brasil, formam as condições perfeitas para se hospedarem em resorts caribenhos e explorar essas terras da melhor forma possível.

Pontos Turísticos do México

publicidade

A gastronomia é um ponto forte do turismo, mas esqueça a concepção que temos da comida mexicana. Ir até o México é provar a verdadeira comida mexicana, eleita pela UNESCO como patrimônio cultural intangível. Tudo preparado com alimentos frescos, aromatizados e apimentados. As origens da gastronomia mexicana tem forte aspecto indígena, colonial, e, hoje, com um toque moderno.

A primeiro momento pode tudo parecer complexo demais, mas é só o começo. Logo, ela se mostra muito mais simples e saborosa. Baseando-se em feijão, cacau e la miez, construindo pratos e mais pratos de tortillas, tacos, burritos recheados com abacate ou chili. A pimenta é cortesia da casa, portanto se prepare para seu espírito esquentar. Aproveite este momento para jogar para dentro la verdadeira tequila ou o mezcal, afinal “para todo mal, mezcal; y para todo bien, también!”! Arriba, chico!

Confira também: Conheça as belezas das Ilhas Marietas

Como chegar?

Do Brasil há voos diretos pela Aeromexico e a Tam, as quais aterrissam na Cidade do México ou em Cancún. Há também outras opções como a Copa, Taca e Avianca.

As Cidades do México e Cancún são as principais opções para aportar no México, contudo não é a única. O turista pode fazer a escolha pelo cruzamento na Guatemala ou pelos Estados Unidos, por San Diego.

Motivos não faltam para embarcar para o México, agora conheça alguns pontos turísticos:

Uma Cancún além das praias

Falar em Cancún é dizer sobre praia. Mas, em suas redondezas se encontra uma das 7 maravilhas do mundo, as ruínas Maias de Chichén Itzá e o Tulum com seus mergulhos em rios subterrâneos.

Playa del Carmen

Situada a 70 km de Cancún, a Playa del Carmen é uma opção menos agitada e com uma paisagem que não deixa nada a desejar, além do mais, a estrutura também está bem construída, com hotéis, vida noturna, restaurantes, bares e tudo do que você precisar. Para quem quer conhecer um México além do imaginário, é recomendado conhecer outras praias além Cancún, que se bobear são até bem melhores.

Cidade do México

Para quem chega ao México, a Cidade do México é uma das opções de entrada, depois de Cancún. A cidade é enorme, com opções mil para se conhecer. Guias recomendam que dê mais tempo à Cidade do México para desvendar seus mistérios. Você pode conhecer o Museu Nacional de Antropologia para iniciar o trajeto, conhecendo mais sobre o nascimento do país e a construção do seu povo, além de conhecer um dos melhores museus do mundo. Ou seja, vale muito a pena.

As ruínas dos povos antigos são espalhadas por todo país, e na Cidade do México não seria diferente. Conhecida com um sítio religioso, as pirâmides de Teotihuacán, situada na cidade com o mesmo nome. Ali há uma atmosfera incrível de contemplação com a divindade, ou apenas, no tamanho da escadaria. Um lugar que respira história.

Aproveite o pic e conheça a Basílica da Virgem Guadalupe com todo o seu folclore, Katrinas, Jose Palanco e Días de los Muertos. O povo mexicano é como o brasileiro, um caldeirão de influências culturais.

E ir à Cidade do México e não conhecer nada sobre o casal mais famoso do México é quase um ato herege. Vá conhecer o Museu-Estúdio Diego Rivera e o Museu Frida Kahlo, esse último está na antiga casa da artista. Sinta-se na casa da própria pintora, esperando-a para conversar.

Litoral Pacífico

Ao oeste está o oceano Pacífico, é uma oportunidade para os brasileiros conhecerem outras águas. Diferente da costa caribenha, a experiência do mar enlouquecedor de azul não será possível. Finalmente poderá conhecer Acapulco, Puerto Escondido para pegar algumas ondas, Puerta Vallarta e Los Cabos.

Anteriormente, Acapulco era um litoral privilegiado e possível, enquanto a costa leste da península de Yucatán era inabitável.

Hoje a história se inverteu e Cancún é soberana.

Cancún

Sabe aquela história do mar azul-turquesa hiponitizante, é pura verdade. O melhor que é assim em toda a orla leste. Busque conhecer a Isla Mujeres e passear de barco por ela; o litoral de forma de 7 e essa geografia irá ajudá-lo a se situar pela costa.

A costa 7 era uma imensa fazenda de cacau e na década de 60, Jacques Cousteau mostrava ao mundo a importância da conservação do mundo aquático, o que fez nascer Cancún e Cozumel, respectivamente para balneário e mergulho.

Circuito da Prata

Da época da corrida da prata, surgiram várias cidades, como a Guanajuato, San Miguel de Allende, Querétaro e Guadalajara. Aqui se tem um gostinho do autêntico território mexicano.

Arrume já as suas malas e embarque para o México – e o melhor, nem precisa de visto!

 

publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *